Somos uma rede de ativismo
e mobilização que reúne mais de
250 mil pessoas em diferentes cidades. 


       




Para levar a Rede Nossas Cidades para a sua cidade, inscreva-se já em nosso Programa de Fundadores.

Acreditamos de verdade que a participação ativa e contestadora dos cidadãos é o melhor caminho para a construção de um mundo melhor. Agimos sempre de forma pacífica, com independência, excelência, e em colaboração com outras organizações. Já conquistamos grandes vitórias, e queremos conquistar muito mais!

Para levar a Rede Nossas Cidades para a sua cidade, inscreva-se no formulário ao lado e receba mais informações sobre o nosso processo de seleção.

Torne-se um fundador

109 candidatos inscritos

Conheça as organizações que já fazem parte da rede



    
    
    
  

Torne-se membro da que estiver mais perto de você!

Não viu sua cidade representada? Que tal levar a Rede pra lá?


Conheça as ferramentas
de mobilização que utilizamos



        

Quer usar essas ferramentas na sua cidade?
Leve a Rede pra lá!



Conheça nossas vitórias mais emocionantes




A Lei Ficha Limpa federal foi um projeto de iniciativa popular que impediu que políticos ficha-suja concorressem em eleições no território nacional. No entanto, a mesma lei não tinha sido aplicada no âmbito estadual do Rio de Janeiro, e uma intensa e dramática mobilização, que envolveu pressão direta nos deputados estaduais e mudanças de voto de último minuto, garantiu essa conquista para o estado.






Numa sociedade machista, não podemos tolerar que instituições públicas invistam seus recursos para promover a violência de gênero. Após o metrô de São Paulo publicar um spot de rádio dizendo que trem lotado era bom pra "xavecar as minas", a Minha Sampa mobilizou milhares de vozes em poucos dias e conseguiu que a verba de comunicação do metrô fosse usada para criar uma campanha de prevenção ao abuso sexual



Ocupando suas escolas, os estudantes paulistanos conseguiram impedir o plano de reorganização do sistema previsto pelo governador Geraldo Alckmin. A Virada Ocupação, evento organizado pela Minha Sampa e por milhares de voluntários, reuniu artistas como Criolo, Ceú e Arnaldo Antunes, entre outros, em uma demonstração de apoio e afeto aos estudantes que deram uma aula de resistência e mobilização para o Brasil.





Um tratamento humilhante, brutal e violento, ao qual eram submetidas, na grande maioria, mães, filhas e avós. A revista íntima manual aplicada aos visitantes dos presídios no Rio incluía a manipulação de órgãos genitais e a humilhação de pessoas inocentes. Com a participação massiva da sociedade, a chamada revista vexatória foi finalmente substituída por um tratamento menos degradante e mais eficiente: a revista mecânica, com raio-x e scanners.




Ao longo de um ano, a mobilização feita em parceria com o Sampa a Pé pressionou o prefeito Fernando Haddad pela abertura de uma parte da Avenida Paulista aos domingos. Mais do que uma demanda por uma nova área de lazer e encontros na cidade, a mobilização foi o marco inicial das conquistas da Rede em São Paulo e da construção de uma cidade mais humana, inclusiva e compartilhada.




Apesar de contar com um Plano Diretor Cicloviário há quase 2 anos, o Recife não implantou sequer um quilômetro das ciclovias planejadas na cidade. A mobilização do Meu Recife - realizada em parceria com uma associação local de ciclistas - contou com mais de 1.200 apoios e em pouco mais de 2 meses, já conseguiu a vitória: o primeiro trecho do Plano será implementado pelo governo do Estado.







Jovita Belfort é uma mãe guerreira. Sua filha, Priscila, desapareceu em 2004, e ela teve que lutar sozinha pela criação de uma delegacia de desparecidos. Em 2013, Jovita criou uma mobilização no Panela de Pressão, que trouxe para seu lado mais de 15 mil pessoas. Após meses de intensa mobilização, o secretário de Segurança Pública do estado finalmente aceitou a demanda e criou a delegacia.






Escola não se destrói! Especialmente se esta for uma das cinco melhores escolas do Estado do Rio de Janeiro. Durante mais de um ano, pais, alunos e professores mobilizaram milhares de cariocas nas redes e nas ruas para evitar que a escola municipal Friedenreich virasse um estacionamento. A escola continua de pé e agora a comunidade escolar protagoniza outras lutas pela cidade.




Não se mexe em time que está ganhando! O Circo da Gente é um projeto exemplar que todo ano atende dezenas de famílias em situação de vulnerabilidade social em Ouro Preto. Quando a iniciativa apareceu na lista de projetos que não teriam convênio renovado com a prefeitura, a comunidade ouro pretana se mobilizou em peso para garantir que as crianças continuassem a desfrutar deste espaço artístico de aprendizagem.

A Rede Nossas Cidades já foi destaque
de tanto lugar que
nem dá pra contar!

Confira a nossa seleção preferida aqui


    

Equipe

Nossa equipe produz as tecnologias e metodologias
de mobilização usadas por todas as organizações da Rede!



Provocadores

Nossos fundadores recebem mentoria de uma série de provocadores incríveis!! Confira alguns deles:


            

              

Somos uma rede de organizações
100% independentes.


Nenhuma das organizações que compõem a Rede Nossas Cidades aceita recursos de governos, partidos políticos ou concessionárias de serviços públicos. Para assegurar o futuro da Rede, faça uma doação a alguma de nossas organizações filiadas agora!






 Feito com ♥ no Brasil, por jovens apaixonados por suas cidades.

Fale com a gente via contato@nossascidades.org
Quer trabalhar com a gente? Veja vagas abertas em: bit.ly/vagasRNC